Acusado de matar colunista social Marcolino Júnior será julgado - Blog do Edvaldo Magalhães

17 de junho de 2017

Acusado de matar colunista social Marcolino Júnior será julgado


Na próxima quarta-feira (21), a partir das 9h,  será iniciada à sessão de julgamento tendo como réu Rafael Leite da Silva, de 32 anos, na Sala do Júri do Fórum de Justiça Demóstenes Batista Veras, no Bairro Universitário, em Caruaru, com a juíza auxiliar da Vara do Júri, Priscila Vasconcelos Areal Cabral Farias Patriota. Rafael é acusado de assassinar o jornalista e colunista social Marcolino Júnior, de 46 anos, no dia 16 de abril de 2016, em um motel da cidade. A Justiça está fazendo o credenciamento das pessoas que desejam acompanhar o julgamento.

Segundo as denúncias do inquérito da Polícia Civil, que foram recebidas e acatadas pelo Ministério Público de Pernambucano, o jornalista e colunista do VANGUARDA foi morto com facadas no pescoço após ter recebido um golpe de jiu-jítsu aplicado por Rafael.

Preso na Penitenciária Juiz Plácido de Souza, em Caruaru, desde o dia 18 de abril do ano passado, Rafael Leite teve a sua sentença de pronúncia divulgada – quando há a ratificação ou não de que o acusado irá para Júri – no último dia 24 de fevereiro. De acordo com as informações da secretaria da Vara do Júri, que foram repassadas na manhã da quarta-feira (14), o suposto comparsa de Rafael, Davi Fernando Ferreira Graciano, de 22 anos, ainda não teve a sua sentença de pronúncia anunciada, haja vista que ainda restam alguns elementos a serem apresentados no tocante ao seu processo judicial. Vale destacar que os processos de ambos os acusados foram desmembrados.

Atualmente, Davi, que foi apontado pela polícia como o mentor do assassinato, está em liberdade. Para o seu advogado, José Cordeiro, ele nem irá para julgamento. O advogado de Rafael Leite se mostra confiante quanto à absolvição de seu cliente. Além de familiares e amigos das vítimas, as cadeiras da Sala do Júri também irão comportar um número considerável de jornalistas e profissionais e estudantes de Direito.

Informações do jornalista Pedro Augusto.