Reeducandos do sistema prisional são inseridos no mercado de trabalho em Caruaru - Blog do Edvaldo Magalhães

25 de abril de 2018

Reeducandos do sistema prisional são inseridos no mercado de trabalho em Caruaru



Através de um convênio de empregabilidade firmado, entre a Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (SJDH), por meio do Patronato Penitenciário, e a Prefeitura de Caruaru, 31 reeducandos em cumprimento de pena no regime aberto ou livramento condicional foram contratados para atuar entre as áreas de limpeza urbana, capinação e serviços gerais na Capital do Forró.



Nove dos reeducandos são acompanhados pelos técnicos da Estação do Governo Presente Caruaru, através de visitas domiciliares nos territórios, os quais detectam as vulnerabilidades a respeito da empregabilidade, documentação civil e inserção produtiva.




Para a reeducanda, Keyssyany Pereira, moradora do bairro Vassoural, essa oportunidade vem abrir novos horizontes. “Estou muito feliz com essa noticia, pois sempre que vamos à procura de emprego, recebemos um “não” quando descobrem que somos ex. presidiarias. Essa oportunidade veio em boa hora. Estou há um bom tempo desemprega”, comemorou.  



“Oportunidade maravilhosa estamos recebendo. Já cansei de procurar emprego e me deparar com o preconceito. Errar é humano, agora queremos mudança e muitas vezes nos deparamos com portas fechadas. Hoje vivo de bicos, vou abraçar esse trabalho e dar a volta por cima”, destacou, Joelson Lourenço, reeducando e morador do bairro Santa Rosa.  



”Buscamos junto ao Patronato Penitenciário e o Governo Presente essa interiorização para Caruaru, com um trabalho de inclusão social e oportunidades para os reeducandos, pois sabemos que o mercado é muito competitivo e cheio de barreiras, principalmente para reeducandos. Sem contar que com essa inclusão, vamos diminuir a violência e trazer benefícios para a população, com uma cidade mais limpa e organizada”, frisou, Perpetua Dantas, Secretaria Municipal de Politicas para Mulheres.



“A junção entre Estado e Município é fundamental para o avanço da reinserção dos reeducandos na sociedade. As barreiras existem, mas todos unidos, as portas se abrem e conseguimos inserir esse público tão excluído da sociedade”, destacou, Cícera Vasconcelos, Coordenadora da Estação do Governo Presente Caruaru.




Estiveram presentes no ato, representantes do Patronato Penitenciário, Destra, Governo Presente, e das Secretarias Municipais da Mulher, Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, Agricultura e Obras e Urbanismo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário