Sindloja discute efeitos da greve dos caminhoneiros no comércio de Caruaru - Blog do Edvaldo Magalhães

25 de maio de 2018

Sindloja discute efeitos da greve dos caminhoneiros no comércio de Caruaru

Foto: Sindloja/Divulgação

O Sindloja realizou reunião, nesta sexta-feira (25), para discutir os efeitos da greve dos caminhoneiros no comércio de Caruaru. Segundo o vice-presidente da entidade, Marcílio Santos, o sindicato adotou algumas medidas para garantir o funcionamento das lojas durante a paralisação.
A orientação é que os lojistas verifiquem os casos de funcionários que não consigam chegar ao trabalho, indicando que utilize o banco de horas quando necessário. Também pede que a Polícia Militar reforce a segurança com policiais a pé e a cavalaria.
A greve nacional dos caminhoneiros já dura 5 dias, com protestos e bloqueios em rodovias de todo o País. Em Caruaru, a paralisação teve adesão de motoristas do transporte alternativo e do transporte escolar.
No início da tarde, o presidente Michel Temer fez um pronunciamento sobre a mobilização e anunciou o uso de forças federais para desbloquear as estradas.


Nenhum comentário:

Postar um comentário