Ministério Público instaura inquérito contra a Prefeitura de Caruaru, que emite Nota - Blog do Edvaldo Magalhães

1 de novembro de 2018

Ministério Público instaura inquérito contra a Prefeitura de Caruaru, que emite Nota


O Ministério Público de Pernambuco instaurou um Inquérito Civil em Caruaru para apurar violação do direito à educação das pessoas com necessidades especiais – surdos. De acordo com o MPPE, o município não estaria garantindo educação de qualidade à pessoa com deficiência, no que se refere aos profissionais especializados e ao desenvolvimento de competência dos estudantes surdos.
Em nota, a Secretaria de Educação informou que ainda não recebeu notificação oficial, mas já esclarece que a informação não prece, pois atualmente existem 22 estudantes surdos, matriculados na rede municipal de ensino, e todos são acompanhados por 19 intérpretes de libras.
NOTA
A Secretaria de Educação informa que, até o momento, não recebeu nenhuma notificação oficial do Ministério Público. Mas diante mão, já esclarece que a informação não procede, pois atualmente existem 22 estudantes surdos, matriculados na rede municipal de ensino, e todos são acompanhados por 19 intérpretes de libras. Dessa forma, tem aluno que recebe atenção individualmente, a exemplo de Matheus Bezerra, aluno do 7° ano, da Escola em Tempo Integral Rubem de Lima Barros, que depois da assistência do profissional, tem desenvolvido suas habilidades estudantis de forma constante, tendo sido escolhido como líder de turma. Dessa forma, é bom ressaltar que o trabalho que vem sendo realizado nesse sentido, pela atual gestão, tem transformado positivamente a vida de crianças e adolescentes, visando a inclusão social deles.

Nenhum comentário:

Postar um comentário