Secretaria de Ordem Pública de Caruaru intensificou trabalhos de prevenção à violência em 2018 - Blog do Edvaldo Magalhães

30 de dezembro de 2018

Secretaria de Ordem Pública de Caruaru intensificou trabalhos de prevenção à violência em 2018


Implantada através do governo Raquel Lyra, a Secretaria de Ordem Pública (Secop), desde 2017, vem realizando diversas ações em Caruaru. Com a implantação do Núcleo de Políticas de Prevenção à Violência e à Criminalidade, foram realizadas ações intersetoriais entre as secretarias de Educação, Políticas Públicas para Mulheres, Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, Saúde, Fundação de Cultura e Secop para o desenvolvimento de políticas eficazes de prevenção à violência para o público-alvo.

Com a ampliação do sistema de videomonitoramento, 45 câmeras foram implantadas no Parque 18 de maio - Feira da Sulanca, onde uma base foi montada para a realização do trabalho. O Mapa da Violência Municipal tem o controle de todas as ocorrências no território com análises estatísticas e com vistas a auxiliar a intervenção mais adequada nas áreas de maior vulnerabilidade. Em 2018, também houve a adesão ao projeto Cidade Pacífica do Ministério Público de Pernambuco, o qual contempla 16 ações, distribuídas em nove eixos estruturantes que convergem para a prevenção da violência no município.

Uma das inovações de 2018 foi a criação do projeto Escola pela Paz, que comtempla um conjunto de ações integradas entre as secretaria de educação, Ordem Pública, Destra, Políticas para Mulheres e Desenvolvimento Social e Direitos Humanos a fim de atuar no ambiente escolar para prevenção da violência e de uma cultura de paz.

A Secretaria de Ordem Pública realizou, ainda, cadastramento e ordenamento de 800 ambulantes distribuídos em 18 ruas do Centro e intervenções ordinárias e pontuais em outras zonas de interesse da cidade, para o Projeto Comércio na Praça, no qual, após a relocação, os ambulantes irão atuar em áreas totalmente requalificadas na praça Leocádio Porto e no Largo dos Guararapes.

Doze Conselhos de Segurança Cidadã dos Bairros e da Zona Rural de Caruaru foram implantados em bairros como José Carlos de Oliveira, São João da Escócia, Alto do Moura, Agamenon Magalhães, Rendeiras, Santa Rosa, Salgado, Kennedy e na zona rural em todos os distritos. Como único instrumento de diálogo direto e permanente entre a gestão e a sociedade, em reuniões semanais, participaram mais de 3.700 pessoas. Dessas reuniões, foram geradas cerca de 540 demandas, tendo 70% de resolutividade junto às diversas secretarias municipais e órgãos de segurança pública.

O Comitê Permanente Municipal Juntos Pela Segurança realizou 18 reuniões ordinárias, nas quais participam 35 representações nas esferas municipal, estadual e federal e da sociedade civil através do Consec. Entre outras tantas atividades em Caruaru, a Secop ofereceu apoio ao desenvolvimento das ações do disque-denúncia Agreste; às ações do Tiro de Guerra de Caruaru – Exército brasileiro; e também o apoio ao desenvolvimento das ações do Proerd, realizado pela Polícia Militar.

“Sinto-me feliz em estar numa secretaria recém criada no governo, mas que já consegue apresentar resultados, frutos do trabalho da prefeita Raquel Lyra, por entender que segurança pública não se faz só com o trabalho das polícias, e que o munícipio tem uma grande contribuição para oferecer”, finalizou a secretária de Ordem Pública, Karla Vieira.

Informações: Flávia Ferreira/Assessoria de imprensa.


Nenhum comentário:

Postar um comentário