Visibilidade trans será celebrada com mutirão de cadastramento de programas sociais e intervenções em Caruaru - Blog do Edvaldo Magalhães

10 de janeiro de 2019

Visibilidade trans será celebrada com mutirão de cadastramento de programas sociais e intervenções em Caruaru


Em celebração pelo Dia da Visibilidade Trans, pontuado em 29 de janeiro, a Prefeitura de Caruaru, através das secretarias de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos (SDSDH) e de Políticas para Mulheres (SPM), realiza nos dias dez, 24, 30 e 31 deste mês, o “Janeiro da Visibilidade Trans de Caruaru”. Com o tema: “Sou Trans, Quero Respeito, Dignidade e Cidadania”, o evento traz na programação diversas intervenções, entre elas, um mutirão de cadastramento para programas sociais do Governo Federal que será realizado para o público trans, nesta quinta-feira (10). A ação será na sede do Cad Único de Caruaru, que funciona no mesmo prédio do atendimento do Bolsa Família, na Rua Armando da Fonte, Bairro Maurício de Nassau (por trás do campo do Central), entre 14h e 17h.
Outro destaque da programação é a realização do III Seminário de Visibilidade Trans de Caruaru, no encerramento da programação do dia 31. Vai ser no auditório da SPM, das 14h às 17h, com a abordagem do tema escolhido para esta edição. No mesmo dia, será realizada no Marco Zero da cidade uma atividade alusiva à VI Semana Nordestina da Visibilidade Trans com esquetes teatrais, falas políticas, apresentação cultural e a campanha “Me Abraça”, com arte educadores, entre 09h e 11h30.
O Dia da Visibilidade Trans surgiu em janeiro de 2004 com o advento do lançamento da campanha nacional “Travesti e Respeito”, do Ministério da Saúde. Nesse dia 29 de janeiro, representantes da Articulação Nacional de Travestis e Transexuais (ANTRA) entraram no Congresso Nacional, em Brasília, para lançar nacionalmente a campanha. Dessa iniciativa, as 52 organizações afiliadas à ANTRA foram orientadas a sair às ruas para comemorar a data em todo o país no intuito de reivindicar seus direitos.
Informações: Michelle Veliso/Assessoria de imprensa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário